Camp NaNoWriMo – Estarei lá

Olá, pessoal! Então, para quem não sabe eu participei da edição de 2014 do NaNoWriMo. Como eu já expliquei aqui, o National Novel Writing Month é uma espécie de projeto que busca incentivar escritores iniciantes a escreverem suas obras. Todo ano, durante o mês de novembro, os participantes são desafiados a escrever um esboço de livro com no mínimo 50 mil palavras. Isso mesmo, 50 mil palavras. Um desafio e tanto. São pouco mais de 1.600 palavras por dia, todos os 30 dias do evento. O objetivo não é competir para ver quem escrever mais ou melhor. É mais um desafio pessoal, de atingir a meta das 50 mil palavras. Eu venci o desafio do ano passado, mas a coisa não para por aí. O evento principal é em Novembro (por motivos que ainda não entendi completamente). Mas há outros, ao longo do ano, os Camp NaNoWriMo, que são basicamente uma versão menos hardcore da edição de Novembro. A principal diferença é que você estabelece sua própria meta, que não mais precisa ser 50 mil palavras.

Esta será a primeira vez que participo da edição de Julho (o que é bem melhor, pois é férias). Porém, contrariando as expectativas, minha meta é modesta: apenas 20 mil palavras. Não que eu espere escrever apenas isso, mas estabeleci esta meta por precaução. Espero sinceramente fazer algo próximo dos 50 mil, mas não quis correr o risco de não conseguir tanto. Na edição de Novembro de 2014 eu rascunhei o primeiro livro da série “As Crônicas de Erys“. Durante esse primeiro semestre do ano eu terminei o rascunho e fiz a primeira revisão. Agora quero deixar esse projeto amadurecendo um pouco e vou me dedicar a algo novo. Mudar os ares e o gênero, de fantasia medieval para horror cósmico.

O livro se chama provisoriamente “O Devorador de Mentes” e se passa em nosso universo. Conta a história de uma entidade cósmica (ou demônio, o que preferir) que se alimenta da sanidade das pessoas. Conheceremos Lara, sua vítima da vez, e seu drama psicológico. Viveremos sua aflição de não saber se aquilo que está acontecendo com ela é real em algum sentido ou apenas fruto de sua mente paranoica e esquizofrênica. Sim, meus caros, a Loucura é o pior monstro de todos.

Assim como fiz com As Crônicas de Erys, pretendo disponibilizar esta história no Wattpad e Widbook, ou pelo menos parte dela, mas só depois de ter uma versão preliminar. Estou animado com este projeto, pois sinto que pode sair algo bastante interessante daí. Ou pode ser uma merda grande. Só o tempo dirá. Prometo (o que não significa que irei cumprir) postar as novidades sobre o Camp Nano ou sobre o projeto em si, assim que tiver alguma novidade. Gostaria também de aproveitar e convidá-los informalmente para participarem também. Eu garanto que é uma experiência muito boa e não há nada a perder (a não ser, possivelmente, tempo).

nanoprep

Link para o Camp NaNoWriMo

Link para o NaNoWriMo

Acho que é isso, até a próxima!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s